Aveiro continuará a investir na Cultura, garante presidente da Câmara

“Em 2027, a nossa Cidade não vai ser Capital Europeia da Cultura, sendo que vamos continuar a trabalhar e a investir na Cultura, como temos vindo a fazer nos últimos sete anos, implementando a sua Estratégia para a Cultura, definida no seu Plano Municipal, aumentando a qualidade do processo de desenvolvimento integral em curso no Município de Aveiro”, comentou o autarca.

Ribau Esteves deixou também “uma nota especial de parabéns a Évora, na certeza de que vai honrar a Cultura de Todas essas 12 Cidades, a Cultura de Portugal, a Cultura da Europa”.

Apesar de não ter sido a escolhida, a versão final da candidatura de Aveiro vai ser apresentada ao público no próximo dia 13, às 18:30 horas, no Teatro Aveirense, momento em que será feito o balanço do projeto “Aveiro, Capital Europeia da Cultura 2027”.

A preparação da candidatura de Aveiro teve início em 2016, intensificando-se em 2019 com a elaboração do Plano Estratégico para a Cultura 2030.

Seguiu-se um processo de auscultação e participação que envolveu não só o setor cultural e criativo de Aveiro, mas também vários outros setores de atividade, assim como as comunidades da Cidade e da Região.

A Candidatura de Aveiro a Capital Europeia da Cultura 2027 foi liderada e promovida pela Câmara Municipal de Aveiro, tendo como copromotores a Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro (CIRA), a Universidade de Aveiro, e a Câmara de Comércio e Indústria do Distrito de Aveiro (AIDA CCI).

Leia Também: Évora vai ser Capital Europeia da Cultura em 2027

Deixe um comentário