Lisboa. Filme que dá voz a civis em Bucha, na Ucrânia, abre cinema KINO

Lisboa, 28 nov 2022 (Lusa) – O documentário “When spring came to Bucha”, de Mila Teshaieva e Marcus Lenz, sobre a guerra na Ucrânia, vai abrir a Kino – Mostra de Cinema de Expressão Alemã, em fevereiro, em Lisboa, revelou hoje a organização.

O filme “é a homenagem da realizadora ucraniana Mila Teshaieva e do realizador alemão Marcus Lenz às vítimas da pequena cidade de Bucha que, em abril de 2022, se tornou um símbolo dos crimes de guerra russos”, refere a organização, em comunicado.

O documentário, que dá voz às histórias dos habitantes de Bucha, abrirá a vigésima edição da mostra Kino, marcada de 02 a 18 de fevereiro, no cinema São Jorge e na Cinemateca Portuguesa.

A seguir à invasão militar da Ucrânia, a 24 de fevereiro passado, as forças militares russas bombardearam várias localidades próximas de Kiev, entre as quais Bucha, onde foram encontrados centenas de corpos de civis.

No local estiveram os realizadores Mila Teshaieva e Marcus Lenz. Sem mostrarem as atrocidades, os dois cineastas quiseram acompanhar e filmar os sobreviventes dos bombardeamentos, “a emergirem dos seus abrigos” e das ruínas, lê-se na página oficial do Festival do Documentário de Amesterdão, onde o filme passou este mês.

Na edição de 2023, a mostra KINO irá ainda exibir, na Cinemateca Portuguesa, oito documentários “que olham para diferentes movimentos” do cinema alemão, “desde a primeira projeção de imagens em movimento dos irmãos Skladanowski até às últimas edições da Berlinale”.

Da programação anunciada hoje, a organização indica que, no cinema São Jorge, serão exibidos 15 filmes e que, depois de Lisboa, a KINO irá em itinerância para Coimbra, Porto e Lagos.

A Mostra de Cinema de Expressão Alemã é uma iniciativa do Instituto Goethe.

Leia Também: Kyiv diz ter descoberto vala comum com 60 corpos em Lyman

Deixe um comentário