Música, dança, caos e brilhos. Assim foi a 1.ª ‘semi’ da Eurovisão

Começou, esta terça-feira, a 67.ª edição do Festival Eurovisão da Canção, com 15 países a lutarem por um dos dez lugares disponíveis para a final, que se realiza no sábado, em Liverpool, no Reino Unido. Portugal, que foi representado pela cantora Mimicat e ‘Ai Coração’, conseguiu apurar-se.

Além de Portugal, apuraram-se ainda a Croácia, Moldova, Suíça, Finlândia, República Checa, Israel, Suécia, Sérvia e Noruega. De fora ficaram Malta, Letónia, Irlanda, Azerbaijão e Países Baixos.

A noite começou com uma atuação da banda ucraniana Hardkiss. A vocalista Julia Sanina é uma das três apresentadoras da edição deste ano, juntamente com a cantora Alesha Dixon e a atriz Hannah Waddingham. 

A Noruega foi o primeiro país a entrar em concurso, seguindo-se Malta, Sérvia, Letónia, Portugal, Irlanda, Croácia, Suíça, Israel, Moldova, Suécia, Azerbaijão, República Checa, Países Baixos e Finlândia.

As atuações ficaram marcadas, como a Eurovisão já nos tem habituado, por muita dança, brilhos e adereços peculiares, tal como pode conferir na galeria acima.

Na quinta-feira, 11 de maio, serão apurados outros dez novos finalistas, que se irão juntar no sábado à Alemanha, Espanha, França, Itália, Reino Unido e Ucrânia.

Recorde-se que a banda ucraniana Kalush Orchestra venceu a 66.ª edição do Festival Eurovisão da Canção, no dia 14 de maio, em Turim, Itália. O tema ‘Stefania’ arrecadou um total de 631 votos, combinados entre votos do júri e do público. 

Leia Também: AO MINUTO: Mimicat (e Portugal) na final da Eurovisão. Eis os 10 apurados

Deixe um comentário