Serralves lança site dedicado a Sophia de Mello Breyner

O lançamento do ‘site’ ‘Sophia e as Artes – Uma perspectiva interartística da obra de Sophia de Mello Breyner Andresen’ vai decorrer pelas 18h30, na Biblioteca da Fundação de Serralves, no Porto, com a participação de Rosa Maria Martelo, Luís Sousa Teixeira e Isabel Pires de Lima, de acordo com a informação disponibilizada na página de Serralves.

O ciclo Sophia e as Artes, que comemorou o centenário do nascimento de Sophia e do qual será extraído o conteúdo para o novo ‘site’, contou com cinco sessões distribuídas entre os meses de novembro e dezembro de 2019.

As quatro primeiras sessões estabeleceram diálogos entre a obra da poeta e uma área artística, construídos por especialistas na obra de Sophia e na arte escolhida para a respetiva sessão: Carlos Mendes de Sousa e Joana Providência elaboraram sobre ‘Sophia e a Dança’; Pedro Eiras e Amílcar Vasques-Dias sobre ‘Sophia e a Música’; Maria Filomena Molder e Nuno Faria sobre ‘Sophia e as Artes Plásticas’; e Maria Irene Ramalho e Teresa Andresen sobre ‘Sophia e a Forma’.

A quinta sessão deste ciclo foi preenchida pela performance das artistas Angelica Salvi e Marta Vuduvum, uma proposta inédita, concebida para a celebração dos cem anos da escritora, que se completaram em 6 de novembro de 2019.

Na base desta ideia esteve a “atenção emocionada” que Sophia de Mello Breyner Andresen dedicou desde sempre às relações entre a arte da palavra e as outras artes, destaca Serralves.

“Da música à dança, passando pela pintura, pela escultura ou pela arquitetura, a presença das artes é recorrente na sua obra quer no plano temático quer a nível das formas e dos ritmos”.

O novo ‘site’ dedicado à escritora que se consagrou como “um nome maior da poesia portuguesa do século XX” é uma iniciativa da Fundação de Serralves e do ILCML – Instituto de Literatura Comparada Margarida Losa da Faculdade de Letras da Universidade do Porto.

O objetivo desta iniciativa é disponibilizar “uma ferramenta de investigação e divulgação da obra de Sophia de Mello Breyner Andresen”.

Assim, esta página disponibilizará os textos de Carlos Mendes de Sousa, Joana Providência, Maria Irene Ramalho, Maria Filomena Molder, Nuno Faria, Pedro Eiras e Teresa Andresen, provenientes do ciclo “Shopia e as artes”, que foi programado por Ana Luísa Amaral, Isabel Pires de Lima e Rosa Maria Martelo, no âmbito do centenário do nascimento da escritora, e decorreu de 16 novembro a 14 dezembro 2019.

A página Sophia e as Artes inclui ainda as criações musicais de Amílcar Vasques-Dias e a performance de Angelica Salvi e Marta Vuduvum.

O ‘site’ tem design de Luís Sousa Teixeira e integrará os recursos digitais da Faculdade de Letras da Universidade do Porto e da Fundação de Serralves.

Leia Também: Cinemas quase duplicam receitas e audiência até novembro face a 2021

Deixe um comentário