Atriz Julianne Moore preside ao júri do festival de Veneza

A 79.ª edição do festival de Veneza irá decorrera de 31 de agosto a 10 de setembro e o júri internacional decidirá os prémios da seleção oficial, nomeadamente o Leão de Ouro de melhor filme, o Leão de Prata para melhor realização, o grande prémio ou a Coppa Volpi para melhor representação.

Julianne Moore presidirá a um júri do qual farão parte também o escritor anglo-japonês Kazuo Ishiguro, Nobel da Literatura em 2017, o realizador argentino Mariano Cohn, o italiano Leonardo di Constanzo, a realizadora francesa Andrey Diwan, a atriz iraniana Leila Hatami e o realizador espanhol Rodrigo Sorogoyen.

Julianne Moore, 61 anos, soma vários prémios internacionais, numa carreira feita sobretudo em cinema desde os anos 1980.

Em Veneza venceu o prémio de melhor atriz e o prémio do público pela prestação no filme “Longe do paraíso” (200), de Todd Haynes.

Da edição deste ano do Festival de Veneza sabe-se que serão atribuídos dois prémios de carreira – Leão de Ouro – ao realizador norte-americano Paul Schrader e à atriz francesa Catherine Deneuve.

Leia Também: Cinemas ainda aquém dos tempos pré-pandemia no primeiro semestre

Deixe um comentário