Bertrand lamenta morte de Guilherme Valadão

A Bertrand Editora lamentou, numa nota de pesar enviada às redações nesta terça-feira, a morte de Guilherme Valadão, o autor de ‘Era Uma Vez em Angola’.

Valadão, nascido em 1940, morreu na segunda-feira. “É com enorme pesar e muita tristeza que a Bertrand Editora vem cumprir o doloroso dever de informar que o nosso estimado autor Guilherme Valadão faleceu na tarde de ontem [segunda-feira]”, pode-se ler na nota de pesar, onde a Bertrand Editora “apresenta as mais profundas condolências à viúva, Isabel Valadão, também autora da nossa casa, assim como às duas filhas do casal, Margarida e Teresa”.

Guilherme Valadão nasceu em Angola, no ano de 1940, e ficou conhecido pelo seu livro Era Uma Vez em Angola, “um romance inspirado em factos reais, cuja ação decorre entre as cidades de Lobito e Luanda, durante os anos 40”, conforme o descreve a própria editora.

“Nas páginas deste livro sente-se a profundidade de uma história em que se adivinham os laivos de memória de uma vida – a sua vida. Chegou a Portugal em 1977, mas nunca esqueceu as suas origens”, conclui.

Leia Também: Morreu Keith Levene, guitarrista e fundador dos The Clash

Deixe um comentário