Feira do Livro de Coimbra regressa com programação diversificada

A Praça do Comércio, na Baixa histórica da cidade, acolhe o evento-âncora da Câmara Municipal de Coimbra, dinamizado em parceria com várias instituições locais e nacionais.

“O Parque Manuel Braga ainda está em obras. A feira não poderia ser lá, mas não voltará a ser lá. A Praça do Comércio é uma praça histórica e, portanto, a feira do livro faz todo o sentido que seja aqui feita”, disse hoje, numa conferência de imprensa de apresentação do programa, o presidente da Câmara de Coimbra, José Manuel Silva.

Uma das novidades da feira são as leituras ‘zen’, que consiste na prática de massagens, de cerca de 10 minutos, em que são lidos textos às pessoas que usufruem da massagem.

No final, as pessoas recebem os textos que lhes foram lidos, durante a massagem, e depois recebem a referência dos livros onde podem encontrar esses textos, para, depois, se quiserem, poderem comprar o livro.

O programa cultural envolve nomes “mais ou menos ligados ao livro, mas todos ligados à cultura”, como, por exemplo, Diogo Piçarra, Sérgio Godinho, Filipe Raposo, Filipa Leal, Madalena Matoso, Hugo van der Ding, Rodrigo Leão e José Milhazes.

O evento, que inclui concertos, performances e recitais, vai integrar as comemorações civis do Dia da Cidade de Coimbra, a 04 de julho, bem como a entrega oficial do Grande Prémio de Literatura Biográfica Miguel Torga, atribuída ao escritor Mário de Carvalho.

Será ainda apresentada a obra das 100 lendas da Região de Coimbra.

Estará presente também na feira do livro a Biblioteca Municipal, com histórias cantadas, contadas e desenhadas.

A “Book in Loop” é um projeto de economia circular, que vai estar presente nesta iniciativa, com compra e venda de manuais escolares em segunda mão, entre o 5º ao 12º ano de escolaridade.

Participarão na feira 40 expositores, todos ocupados com 30 editoras e outras iniciativas, como, por exemplo, a iniciativa da Biblioteca Municipal.

“Acho que temos aqui um vasto conjunto de expositores, um vasto conjunto de iniciativas, que, de 01 a 10 de julho, irá animar a Praça do Comércio e toda a Baixa e onde esperamos que passem milhares de pessoas”, frisou o autarca.

O certame implica um investimento de cerca de 118 mil euros, com diversas iniciativas, todas elas gratuitas.

O evento vai incluir um espaço de pavilhão coberto para as atividades, com 100 lugares sentados, onde decorrerão apresentações de livros, debates e espetáculos, para além dos 40 ‘stands’, uma zona de receção da feira e um espaço ‘indoor’.

Esta iniciativa cultural — promovida em parceria com a Agência para a Promoção da Baixa de Coimbra, a Associação Há Baixa e a Associação Portuguesa de Escritores, e o apoio do Fórum Coimbra, Fundação INATEL e Associação Académica de Coimbra – pretende contribuir para uma “maior revitalização da Baixa da cidade, numa lógica de valorização e envolvimento do tecido comercial local”.

Para mais informações sobre o programa detalhado da Feira do Livro, os interessados podem consultar as redes sociais da Câmara Municipal ou contactar a organização, através do telefone 239 702 630 ou do email cultura@cm-coimbra.pt.

Leia Também: Alice Vieira homenageada em Leiria com exposição sobre vida e obra

Deixe um comentário