Programa europeu MusicAIRE tem 2,2 milhões para apoiar setor da música

 

O programa MusicAIRE, que conta com financiamento da União Europeia, irá apoiar projetos que ajudem os agentes do setor musical, incluindo em Portugal, a ultrapassar as consequências da pandemia da covid-19.

O programa é operacionalizado pela consultora portuguesa Inova+, juntamente com o Conselho Europeu de Música (EMC, na sigla em inglês), e atribuirá um financiamento que variará entre os 15.000 euros e os 55.000 euros, por projeto.

Sara Brandão, da consultora Inova+, explicou à agência Lusa que o MusicAIRE tem como objetivo financiar projetos que capacitem os profissionais da música, como técnicos, promotores ou produtores, em áreas como a transição digital, a sustentabilidade e a resiliência.

Ao programa poderão candidatar-se, até 28 de março, distribuidores, promotores de eventos, músicos, editores, engenheiros de som, empresas de agenciamento, professores ou fabricantes de instrumentos, entre outros profissionais.

Processos de certificação, ações de formação, realização de estudos, educação, obtenção de ferramentas de inovação são algumas das vertentes que o programa apoiará.

Os 2,2 milhões de euros de dotação serão repartidos por dois concursos: o primeiro abriu hoje e o segundo está calendarizado para depois do verão.

De acordo com Sara Brandão, a execução deste fundo servirá também para testar os mecanismos de financiamento de acesso ao programa Europa Criativa 2021-2027, da União Europeia.

Leia Também: YouTube revelou as músicas mais ouvidas no Dia dos Namorados

Deixe um comentário