Que probabilidades tem Portugal de ganhar o Festival da Eurovisão?

É já na terça-feira, dia 10 de maio, que Portugal vai pisar o palco da arena PalaOlimpico, na cidade italiana de Turin, onde este ano decorre o Festival da Eurovisão. E, de acordo com o site Eurovision World, Maro, que irá representar a nação portuguesa com ‘Saudade Saudade’, é a 11.ª favorita à vitória desta competição musical. 

Este ranking ‘eurovisivo’, que se baseia em vários sites de apostas, atribuiu à canção portuguesa uma possibilidade de vitória na ordem dos 1%. Recorde-se que, no ano em que Portugal conquistou este galardão musical, Salvador Sobral era indicado como tendo entre 33 e 40% de hipóteses de vencer o festival da Eurovisão, de acordo com os dados recolhidos no próprio dia da final.

Na edição de 2022 do festival, é sobre a Ucrânia que recaem as maiores expetativas. O Eurovision World aponta a Kalush Orchestra, com a canção ‘Stefania’, como a previsível vencedora da competição musical. As suas possibilidades de vitória rondam, neste momento, os 49% – o que, a efetivar-se, perfazeria a terceira conquista deste evento por parte dos ucranianos, depois de o terem ganho em 2004 e 2016.

Segundo as previsões, no pódio deverá ficar, também, o país que venceu no ano passado. Falamos aqui da Itália, este ano representado pelos Mahmood & Blanco, que vão apresentar a música ‘Brividi’ e cuja probabilidade de vitória ronda os 11%. As previsões mais recentes estimam, por sua vez, que o terceiro lugar possa vir a ser atribuído ao Reino Unido (10% de probabilidade de ganharem) – que, com Sam Ryder e o seu ‘Space Man’, pretendem revalidar o título que conquistaram pela última vez em 1997.

Dos 40 países que vão atuar já a partir de terça ou de quinta-feira (data das duas meias-finais), as previsões indicam ainda que a Suécia (4.º), Espanha (5.º), Grécia (6.ª), Polónia (7.º), Noruega (8.º), Países Baixos (9.º) e Sérvia (10.º) devem, em comparação com a representação portuguesa, ser capazes de reunir um maior número de votos atribuídos pelo público e pelos painéis de jurados dos vários países em competição.

Com um pior desempenho em vista do que Portugal estão países de elevada tradição ‘eurovisiva’, como é o caso da França, Irlanda e Israel – que, segundo os dados mais recentes fornecidos pelo Eurovision World, devem ficar, respetivamente, na 12.ª, 29.ª e 31.º posições.

Previsões feitas, agora é esperar pelo início das atuações. A primeira meia-final está marcada para as 20h de terça-feira (hora de Lisboa) e é durante a mesma que vai ter lugar a performance da portuguesa Maro. Na quinta-feira, pelas 21h30, será transmitida a segunda meia-final – embora o dia das grandes decisões seja apenas sábado, dia 14 de maio, com a final

Recorde abaixo a atuação portuguesa:

Leia Também: Eurovisão. Participação de Israel em risco devido a questões de segurança

Deixe um comentário